Connect with us
premio abbc premio abbc

Investimentos

ABBC premia fintechs brasileiras!

Published

on

A ABBC (Associação Brasileira de Bancos) premiu fintechs brasileiras na semana passada. O prêmio Idei@ABBC 2018 foi entregue em evento da entidade em evento exclusivo.

Conheça as fintechs brasileiras premiadas nas categorias Analytics, Competitividade e User Experience.

Categoria Analytics

Bancoin

Blu365

Yubb

Categoria Competitividade

Blu365

Bom pra Crédito

Quero Quitar

Categoria User Experience

Allgoo

Simply

Yubb

Parabéns!

Foto: Bernardo Pascowitch

O ponto de encontro das fintechs e revolução financeira no país.

Advertisement
Click to comment

Crédito

MIT elege inovadores e três deles estão em fintechs brasileiras

Published

on

Fintechs brasileiras serão reconhecidas (e premiadas) pelo MIT. 3 empreendedores estão entre os mais inovadores da América Latina e vão receber hoje, o prêmio no México.

MIT Technology Review Under 35, é um “Oscar” para jovens inovadores no mundo todo. O reconhecimento feito através de uma votação, elege as pessoas com menos de 35 anos, com o maior potencial para mudar o mundo, através de suas empresas e invenções. 11 brasileiros estão na lista, 3 deles estão ajudando o mercado financeiro.

Os eleitos vão receber o prêmio num evento exclusivo, na Universidade de Guadalajara. Conheça um pouco dos 3 brasileiros que estão ajudando (e mudando) o setor financeiro por aqui.

Aline Oliveira, fundadora da Traive

A Traive é uma plataforma que facilita empréstimos agrícolas e analisa de dados para melhorar a previsão do risco de investimento em agricultura. A principal razão por trás da dificuldade de obter empréstimos acessíveis é que os bancos não têm as ferramentas para estimar corretamente o risco de não pagamento pelo agricultor.

Lincoln Ando, CEO da IDwall

IDwall é uma plataforma de dados que bancos, marketplaces e fintechs usam. No Brasil, a abertura de uma conta bancária pode levar até 15 dias, devido a todas as verificações necessárias feitas manualmente. Os bancos que usam a IDwall reduziram esse tempo para menos de três minutos. A plataforma (que usa inteligência artificial) verifica a saúde do cliente em mais de 200 fontes de dados, desde listas de inadimplência até listas de resoluções judiciais.

Victor Santos, fundador da Airfox

Airfox é um app que funciona como uma carteira digital que não precisa estar associada a nenhuma conta corrente ou cartão de créditoLançado em março de 2018, o aplicativo já conta com 12 mil usuários que conseguiram obter 1,2 mil empréstimos. Essa é uma ponta para resolver o problema dos desbancarizados no Brasil e na América Latina.

victor airfox

Conheça a lista completa aqui.

mit technology review

Continue Reading

Investimentos

GuiaBolso planeja entrar na área de cartões de crédito!

Published

on

guiabolso

O GuiaBolso, uma das fintechs mais expressivas do país, planeja ampliar sua oferta de serviços e parte dela, pode estar em cartões de crédito.

É o que informa a matéria de Carlos Sambrana, da IstoÉ Dinheiro.

Com 4 milhões de usuários (do aplicativo), o GuiaBolso já levantou centenas de milhões de diversos fundos, criou uma operação com a Sorocred para emprestar dinheiro para usuários do app e agora vai desenvolver novos produtos para seus consumidores. Os números confirmam: eles já emprestaram mais de R$200 milhões através do aplicativo!

Faz sentido entrar em cartões? Pela quantidade de usuários, faz.

Continue Reading

Investimentos

Instituições financeiras tradicionais usando inteligência artificial?

Published

on

Claro, a inteligência artificial é ótima para dados – mas a maioria dos executivos também acham que a tecnologia pode ser usada para criar uma atmosfera inovadora dentro de suas empresas. Será?

A pesquisa feita com mais de 1000 executivos de instituições financeiras mostrou que inteligência artificial é a principal busca dessas empresas. Seja para aprovar crédito, sugerir investimentos e controlar risco, os robôs estão no imaginário da maioria das instituições financeiras tradicionais. Especialmente nos executivos de tecnologia.

Mais de metade (57%) dos executivos citaram a construção de uma cultura de inovação como um dos seus três principais objetivos de transformação digital – os outros dois resultados mostraram que: querem ter um negócio mais ágil e centrado no cliente (58%) ou construir uma empresa móvel (51%). Os dados são de uma pesquisa realizada pela Infosys.

A principal ferramenta tecnológica para isso? Inteligência artificial, é claro.

Aproximadamente 60% dos mais de 1.000 entrevistados da pesquisa tentam usar a inteligência artificial para fornecer recomendações “humanas” para o suporte ao cliente (automatizado), enquanto 56% querem usá-la para agregar dados antes de fornecerem idéias.

Reprodução: Infosys

Embora a maioria dos participantes ainda estejam desconfiados dos sistemas de auto-aprendizagem: apenas 21% dos entrevistados querem usar a inteligência artificial para criar “um sistema de tomada de decisão no qual o aprendizado automático permite ao sistema aprender com os seres humanos.

Tá mais que na hora das indústrias tradicionais no mundo se preocuparem com isso. Especialmente as financeiras. Por enquanto, aqui no Brasil, bancos, financeiras e varejistas vão (e correm) atrás de empresas como Konduto, IDwall, Nama, Vérios e outras que usam da tecnologia em seus negócios.

Continue Reading

featured