Connect with us
konduto konduto

Risco & Fraude

Ambev, ConectCar e Elo7 recorrem à inteligência artificial da Konduto para combater fraudes

Published

on

A Konduto, fundada em 2014, é uma empresa que combate fraude de uma forma diferente dos players do mercado.

Nessa Black Friday, a startup (com pouco mais de 40 pessoas) se prepara para bater um recorde histórico como uma das principais aliadas na fraude online. Ano passado, nesse mesmo período, analisaram 736 mil compras no dia do evento e a expectativa é grande para esse ano.

As fraudes estão cada vez mais sofisticadas e ter uma solução baseada apenas em bureaus, virou coisa dos anos 2000.

antifraude

Parte da equipe da empresa animada com a Black Friday. Foto: Konduto

Algoritmos e robôs na Ambev, ConectCar e Elo7

Com inteligência artificial, machine learning (aprendizado de máquina) e até comportamento de navegação de sites, a startup planeja uma atuação estratégica em 2019 – com um investimento forte no aperfeiçoamento da solução e na cobertura da América Latina – a empresa já tem clientes México e na Argentina.

Ambev, ConectCar, Elo7, Livraria Cultura, Decathlon, ClickBus e outros cases também entregaram à Konduto, a responsabilidade de combater um dos principais monstros do e-commerce, o fraudador. Recentemente a empresa fez um estudo, o “Raio X da Fraude” – clique aqui para baixar, que virou um dos melhores conteúdos para quem vende na internet.

Na Konduto, são necessários apenas 0,09 segundo (noventa milissegundos), para analisar uma fraude.

Impressionante.

 

Advertisement
Click to comment

Risco & Fraude

Emailage coloca um Fórmula 1 no evento Money20/20

Published

on

rapidrisk emailage

A Emailage levou um F1 no maior evento fintech do mundo, o Money20/20.

Líder global em prevenção de fraudes on-line e avaliação de risco de e-mails, a Emailage lançou sua avançada solução de detecção de fraudes, o RapidRisk Score, em pleno Money20/20 em Las Vegas, no último mês.

Sobre o RapidRisk

A solução cria análises de risco em velocidade relâmpago para processadores de pagamento, emissoras de cartão e comerciantes, em todas as transações.

Viabilizado pelos avanços em inteligência artificial e suportado pela rede de inteligência global da Emailage, o RapidRisk é uma iniciativa inteligente em prevenção de fraudes, oferecendo tempos de resposta para avaliação de risco de fraude 20 vezes mais rápido do que as alternativas padrão.

O presidente-executivo da Emailage, Reinaldo Carvalho, explicou:

“Como empresa, percebemos a necessidade de focarmos em análises de risco de transações que, devido a SLAs, requerem precisão e velocidade. Os regulamentos globais – como GDPR e PSD2 na Europa – geram mais questões sobre segregação de dados e mudanças em responsabilidades. Nosso diálogo contínuo com os clientes revelou uma necessidade de disponibilizar no mercado, ferramentas de avaliação de risco de fraudes mais precisas, confiáveis e, acima de tudo, mais rápidas”.

Assista ao vídeo de lançamento (abaixo) e conheça a ferramenta aqui.

Um F1 no mercado.

Continue Reading

Risco & Fraude

IDwall e a cara dos novos negócios financeiros no país.

Published

on

idwall

Com pouco mais de 2 anos, a IDwall vem fazendo um “estrago” (no bom sentido) no mercado de fintechs e bancos digitais no país.

Primeiro, porque a maioria das novas fintechs (especialmente bancos digitais) vêm promovendo uma grande transformação no mercado brasileiro: em termos de produto, experiência do cliente e distribuição. A maioria delas já tem essa cabeça digital e foge de processos manuais de onboarding de clientes e prevenção a riscos. O que faz da IDwall uma solução perfeita.

E segundo, porque as instituições tradicionais estão claramente se protegendo dessa inovação, criando negócios digitais dentro de casa e seguindo os exemplos da fintechs, em fazer negócios de formas diferentes. Naturalmente, bancos e empresas tradicionais vêm seguindo o processo de evolução digital das fintechs. E quem ganha é o cliente/usuário.

Banco Original, Sicredi, Guiabolso, Méliuz, Vindi, Bitcointrade e alguns dos maiores cases de serviços digitais no país, confiaram o processo de KYC (know your customer), de prevenção à lavagem de dinheiro (AML), validação de documentos e checagem de histórico (background check) à essa empresa, que ainda não completou 3 anos de vida.

Por que será?

Do tradicional à ciência de dados

Mercado até então liderado por soluções de bureaus como Serasa Experian e a Crivo Sistemas (adquirida pela TransUnion), a checagem de dados (background check) parece ter outro tipo de necessidade de solução, segundo o próprio movimento fomentado pelas fintechs. Agora é hora da inteligência artificial e da ciência de dados, coisa que a IDwall domina como ninguém. O escritório da empresa, localizado na Rua Haddock Lobo (São Paulo), com 60 pessoas, reúne alguns dos maiores especialistas em dados do país. Data scientists, PhD´s, hackers e um time forte de tecnologia, estão construindo uma empresa para gringo nenhum botar defeito.

Que bom!

idwall

Fundadores da IDwall (Lincoln Ando e Raphael Mello), jovens cabeças em busca da revolução digital de novos bancos. (Foto: IDwall)

O que fortalece essa afirmação de um time de alta classe, é que o Google e os principais fundos de investimentos brasileiros (e internacionais) tem os olhos em cima dessa startup, que não pára de crescer. O Campus, espaço do Google em São Paulo que promove a inovação, foi a primeira casa da IDwall. Agora, a gigante vai levar eles para o programa Google Developers Launchpad, num processo de aceleração global focado em grandes inovações.

Parte desse interesse do mercado, veio também através dos fundos Monashees500 Sartups e Canary, que investiram uma boa grana na fase inicial da empresa e que atuam de forma consultiva nessa empresa jovem, de jovens empreendedores. E não somente os fundos que suportam esse desafio. Gente de peso como Mario Mello (ex-CEO Paypal Brasil), Dorival Dourado (ex-Diretor Serasa e ex-CEO Boa Vista/SPC) e um time de investidores de peso, formam um grupo forte e heterogêneo que fez a empresa atingir os primeiros milhões de faturamento em pouco tempo.

O benchmarking internacional também valida a tese no país. As empresas americanas Checkr, Jumio, BlockScore e a canadense Trullio levantaram juntas, mais de U$200 milhões de fundos de investimentos nos últimos 3 anos. Sinal positivo para o Brasil, que ainda processa muitas verificações manuais e com um mercado gigantesco, tanto em prevenção a fraudes como para eficiência no trabalho humano.

A IDwall é uma das selecionadas para o programa Google Developers Launchpad. (Foto: IDwall)

De fintechs a marketplaces

De quebra, os marketplaces (grande realidade do novo varejo) também descobriram a startup. Casos como 99 (táxi), Rappi e Loggi (entregas), Movida (aluguel de carros), usam as soluções da IDwall para a checagem de risco e validação de dados de novos motoristas e prestadores de serviços dos aplicativos. Tudo em tempo real. Assim como as exchanges de criptomoedas, que têm um grande desafio cadastral e delegam para a IDwall, a inteligência na hora de prever riscos e fraudes.

E não pára por aí, a Cyrella, incorporadora com mais de 55 anos de vida, também confia nessa startup. Esse é inclusive, ums dos principais sinais que o encontro do tradicional com o novo, está de fato acontecendo.

Em pouco tempo, o mercado abriu um espaço grande para o surgimento de cases como a IDwall, que identificou um grande problema (fraude e risco) e resolve isso, com tecnologia de primeira linha. Premiada, é uma das novas empresas de tecnologia mais admiradas do país e vem resolvendo de forma interessante, um problema grande.

As agências bancárias vão deixar de existir como são hoje e parece que a IDwall vai acompanhar essa transformação.

Sobre a empresa

Site: idwall.com

LinkedIn: linkedin.com/company/idwall

Facebook: facebook.com/idwallbr

Continue Reading

Risco & Fraude

Emailage classificada entre as empresas que mais crescem na América

Published

on

A Emailage, líder global em prevenção a fraudes e avaliação de riscos por e-mail, foi reconhecida como uma das pequenas empresas de maior crescimento nos EUA como parte da lista Inc. 5000.

Compilado pela revista Inc., de pequeno porte com sede nos EUA, a Emailage está classificada em 625 entre as empresas privadas que mais crescem e alcançaram um crescimento impressionante de receita nos últimos três anos. A Emailage aumentou sua receita em 100% no ano passado e em 802% desde 2014 – garantindo seu lugar entre as empresas privadas de elite dos Estados Unidos.

Esta é a primeira vez que a Emailage aparece na lista e representa um marco significativo na jornada da empresa – que viu expandir suas operações globalmente nos últimos anos. Mais recentemente, abriu e expandiu escritórios nas regiões da APAC e EMEA, ao mesmo tempo em que fez uma série de contratações importantes para fortalecer sua especialidade em prevenção a fraudes.

Rei Carvalho, CEO da Emailage, disse:

“Em um momento de considerável impulso para a Emailage, nossa classificação na lista Inc. 5000 é um verdadeiro incentivo para a equipe e reafirma que estamos levando o negócio na direção certa. Estamos orgulhosos de ser reconhecidos como um dos negócios que mais crescem nos EUA”

Desde sua fundação em 2012, a Emailage transformou o cenário de prevenção a fraudes adotando uma abordagem mais científica. Sua tecnologia exclusiva de pontuação de fraude preditiva aproveita o endereço de e-mail como base para a avaliação de riscos transacionais e a validação de identidade digital. A Empresa foi responsável por analisar US $ 180 bilhões em volume de transações e identificar mais de 17 milhões de transações de alto risco somente em 2017. Atualmente, a Emailage conta com cinco das dez maiores varejistas globais, três das cinco principais companhias aéreas globais e quatro das seis principais emissoras de cartões de crédito entre seus atuais clientes.

Continue Reading

featured