Connect with us
startup de pagamento startup de pagamento

Meios de Pagamento

Startups de pagamento brasileiras que já foram compradas

Published

on

O texto na verdade começou com o título de “startups de pagamento brasileiras que já foram compradas”, mas seria justo colocarmos “Empresas de pagamentos que já forma adquiridas”. Achamos que com a recente notícia da aquisição do Moip, vale revisitarmos quais empresas de pagamento brasileiras já percorreram esse caminho da chamada “saída”, onde empreendedores vendem a operação para uma outra empresa.

[emaillocker]

Vamos à lista.

BrPay

Em Julho de 2007 o Uol preparava o esboço do que seria o Pagseguro e adquire a solução do BrPay, um dos primeiros sub-adquirentes do mercado. O Pagseguro é de longe o grande negócio do grupo Uol hoje em dia. A moderninha já tem o gosto popular e o Pagseguro tem tamanho para virar uma adquirente.

Auttar

A Auttar foi adquirida pela Getnet ainda em 2007, antes da compra do Santander. Responsável por uma poderosa camada de pagamentos da “Get”, a Auttar é uma das maiores do Brasil, no segmento de soluções POS, TEF e outros meios de captura. Hoje apesar de ser uma empresa Getnet, processa todas as adquirentes.

Pagamento Digital

O Pagamento Digital foi vendido em 2008 para o Buscapé. Os valores não foram informados, mas os sócios fundadores Walter Leandro Marques e Willians Marques (irmãos), fizeram essa primeira saída no sub-adquirente que foi criado dentro da Loja Tray, uma plataforma e-commerce bem popular no mercado. O Buscapé rebatizou a empresa de Bcash, que todos conhecem.

FControl

Ainda em 2008, o Buscapé cumpriu a dupla financeira do grupo, adquirindo a Fcontrol. Com a entrada do fundo Naspers, o grupo foi faminto para processar pagamentos. Na época a Fcontrol tinha 700 clientes.

Braspag

Em Maio de 2011, a Braspag (então empresa do Silvio Santos), era adquirida pela Cielo, recém chegada na época na Bolsa de Valores. O valor da venda foi de R$40 milhões de reais. Desde então, a Braspag é o motor do e-commerce para a Cielo. A Braspag é o maior gateway de pagamento nesse segmento e possui algumas das maiores empresas que vendem na web, processando pagamentos. A curiosidade é que a Braspag já havia sido adquirida em 2009, pelo Grupo Silvio Santos por R$25 milhões.

BoldCron

Fundada em 1999 por engenheiros do ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), a Boldcron foi adquirida pela UOL em 2009. Junto com a Boldcron soluções de pagamento como o Bpag, vieram juntas. Parte da história da Boldcron foi para dentro da UolDiveo. Na época a Boldcron tinha 200 clientes. A maioria dos fundadores hoje estão a frente de empresas ligados ao mercado. Leia-se: Conta Paga e Concil.

Getnet

A parceria entre Santander e Getnet, se desenvolvia desde 2010. O valor de R$ 1,1 bilhão foi desembolsado pelo grupo espanhol para criar a camada de pagamentos dentro do banco. Embora o anúncio da compra tenha sido informado em 2014, a venda dependia de órgãos como Cade e Banco Central para acontecer. Em 2014 a venda foi concluída. A Getnet é a terceira adquirente em market share.

M4u

Em 2010 a Cielo comprou a M4u. O valor divulgado foi de R$50 milhões. A M4u foi fundada em 2000, e hoje, processa diversos negócios dentro da Adquirente.

Superpay

O gateway Superpay foi adquirido pela Tray em 2011, antes mesmo da Locaweb adquirir a Tray Checkout. Antes do nome Superpay quem respondia pelo desenvolvimento de pagamentos do gateway era a empresa de São José dos Campos, chamada ERnet. A empresa também detinha um outro negócio de pagamentos chamado “MicroPay”.

Boa Compra

Focada no segmento de jogos online, o Boa Compra foi adquirido também pelo grupo Uol em 2011. O grupo Uol parecia ensaiar um grande ecossistema de pagamentos, mas parou por aí, depois da hegemonia do Pagseguro. A empresa agora responde como Go4gold.

Tray Checkout

Os irmãos “Marques” citados no tópico do Pagamento Digital, fizeram sua segunda saída, vendendo o controle da Tray e consequentemente da plataforma Tray Checkout para a Locaweb em 2012. Exatos quatro anos depois de terem vendido o Pagamento Digital para o Buscapé.

Rede (Redecard)

A antiga Redecard, fundada em 1996, foi adquirida pelo Itau em 2014, após o banco comprar quantidade de ações capaz de fechar o capital da empresa. O Itau desembolsou R$10,46 bilhões para controlar a Rede. É o maior valor para uma empresa de pagamento até o momento.

maxiPago

O gateway maxiPago foi comprado pela Rede em 2014. Fundada em 2011, a maxiPago é um dos maiores gateways do país e fez parte da estratégia de crescimento da Rede, consequentemente do Itau. A maxiPago já era uma grande parceria da Rede antes da aquisição.

CobreBem

O gateway Cobre Bem foi responsável pela entrada da World Pay no Brasil em 2014. Os valores não foram divulgados. A Cobre Bem é um dos gateways mais tradicionais no país.

Gopay

Em 2015, a Gopay, aplicativo de pagamentos via celular foi adquirida pela Getnet. Fundada em 2012, ano passado passou a fazer parte do grupo espanhol também. Valores não foram divulgados.

OneBuy

Apesar de ser uma fatia minoritária, a Certisign comprou parte da empresa OneBuy, que centralizava as compras do usuário, através de um único perfil. Escrevemos um artigo sobre essa compra aqui.

Moip

A notícia mais recente do Moip ter vendido a operação para a Wirecard, pode aquecer o mercado de fintechs de pagamento. A matéria sobre a venda você pode acompanhar aqui. O valor informado foi de R$168 milhões.

 Quem será o próximo?

[/emaillocker]

Compartihe com a gente: você conhece alguma empresa brasileira de pagamento que não está na lista? Nos envie um email: contato@fintechs.com.br