Connect with us

Meios de Pagamento

As primeiras impressões do Apple Pay

Published

on

O que esperar da maior revolução que o mercado de pagamentos verá? Na apresentação inicial em Cupertino, os executivos da Apple preparam a platéia para o que está por vir. Veja a seguir, um apanhado do que podemos esperar com a vinda do Apple Pay no Brasil.

As primeiras impressões do Apple Pay

– a Apple aplicativos nativos do Apple Pay com a tecnologia NFC nos aparelhos iPhones 6 e 6 Plus.

– A Apple Pay vai “tokenizar” dados do titular do cartão, informações de pagamento em um chip seguro, que deve eliminar o risco associado com ter os dados do portador armazenados no telefone. A Apple também irá utilizar padrão de tokenização para criptografar os dados da transação.

– À partir de outubro, a Apple Pay pode ser encontrado em mais de 220 mil estabelecimentos comerciais em todo os EUA que aceitam American Express, MasterCard e Visa. Esses estabelecimentos comerciais incluem Macys, Bloomingdales, Whole Foods, McDonalds, Subways, Staples, Nike, Petco, Toys R Us, Babies R Us, Disney e Walgreens.

– Usando o iOS8 (iPhone 6 e 6 Plus), os usuários podem armazenar eletronicamente os seus cartões de crédito e débito em seu iPhone.

– A Apple não irá recolher quaisquer dados da transacção (o quanto os consumidores gastaram, o que eles compraram, etc.)

– O Apple Watch, que deve ser lançado no início de 2015, permitiria que os usuários possam fazer downloads de aplicativos da Apple, incluindo o Apple Pay e acessá-los tanto via fone quanto via telefone.

– Tal como o iPhone, o relógio iria incluir vários serviços, tais como mensagens, Siri e um aplicativo de saúde Apple (incluindo o monitor de freqüência cardíaca).

Veja o vídeo a seguir e entenda os pontos:

Vem um monstro por aí.

Fontes: Pymnts

O ponto de encontro das fintechs e revolução financeira no país.